Arquivos
 08/03/2009 a 14/03/2009
 01/03/2009 a 07/03/2009
 15/02/2009 a 21/02/2009
 01/02/2009 a 07/02/2009
 18/01/2009 a 24/01/2009
 04/01/2009 a 10/01/2009
 28/12/2008 a 03/01/2009
 21/12/2008 a 27/12/2008
 14/12/2008 a 20/12/2008
 07/12/2008 a 13/12/2008
 30/11/2008 a 06/12/2008
 23/11/2008 a 29/11/2008
 16/11/2008 a 22/11/2008
 09/11/2008 a 15/11/2008
 02/11/2008 a 08/11/2008
 26/10/2008 a 01/11/2008
 12/10/2008 a 18/10/2008
 05/10/2008 a 11/10/2008
 28/09/2008 a 04/10/2008
 21/09/2008 a 27/09/2008
 14/09/2008 a 20/09/2008
 07/09/2008 a 13/09/2008
 31/08/2008 a 06/09/2008
 24/08/2008 a 30/08/2008
 17/08/2008 a 23/08/2008
 03/08/2008 a 09/08/2008
 27/07/2008 a 02/08/2008
 20/07/2008 a 26/07/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 06/07/2008 a 12/07/2008
 29/06/2008 a 05/07/2008
 22/06/2008 a 28/06/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 08/06/2008 a 14/06/2008
 01/06/2008 a 07/06/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 18/05/2008 a 24/05/2008
 11/05/2008 a 17/05/2008
 04/05/2008 a 10/05/2008
 27/04/2008 a 03/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 06/04/2008 a 12/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 16/03/2008 a 22/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 02/03/2008 a 08/03/2008
 24/02/2008 a 01/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 10/02/2008 a 16/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 27/01/2008 a 02/02/2008
 20/01/2008 a 26/01/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 16/12/2007 a 22/12/2007
 09/12/2007 a 15/12/2007
 02/12/2007 a 08/12/2007
 25/11/2007 a 01/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 07/10/2007 a 13/10/2007
 30/09/2007 a 06/10/2007
 23/09/2007 a 29/09/2007
 16/09/2007 a 22/09/2007
 09/09/2007 a 15/09/2007
 02/09/2007 a 08/09/2007
 26/08/2007 a 01/09/2007
 19/08/2007 a 25/08/2007
 12/08/2007 a 18/08/2007
 05/08/2007 a 11/08/2007
 29/07/2007 a 04/08/2007
 22/07/2007 a 28/07/2007
 15/07/2007 a 21/07/2007
 08/07/2007 a 14/07/2007
 01/07/2007 a 07/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 17/06/2007 a 23/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 27/05/2007 a 02/06/2007
 20/05/2007 a 26/05/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 06/05/2007 a 12/05/2007
 29/04/2007 a 05/05/2007
 22/04/2007 a 28/04/2007
 15/04/2007 a 21/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 18/03/2007 a 24/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 07/01/2007 a 13/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 24/12/2006 a 30/12/2006
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 03/12/2006 a 09/12/2006

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 Editora Casa das Musas
 Blog do Samarone Lima
 Blog da Gabriela Leite
 Blog do Tião
 Babelia
 Blog da Liana Aragão
 Blog da Danyella Proença
 Blog do Lauro
 Blog da Maria Moura
 Blog Lauravive
 UOL - O melhor conteúdo
 popfabi




RAZÃO-POESIA o pensamento poema www.casadasmusas.org.br
 


O EVANGELHO DA DESORDEM

parte X

 

SÓ O IMPOSSÍVEL ME ENAMORA

 

Posso acaso prometer o meu fogo

a alguém que não é incêndio?

 

Posso acaso prometer minha língua

a alguém que não é indizível?

 

Posso acaso prometer o meu céu

a alguém que não é estrela?

 

Não. Pois só o impossível me enamora.

 

 

ANDAMOS

 

Andamos com o coração cheio de semanas
a boca repleta de palavras acumuladas
o peito apertado de momentos de nada.

Andamos demais com pés de pouco

vagando no nada com olhos nadamantes.

 

Difícil ouvir algo que valha levar para casa.

Difícil ser silêncio com tanta boca no mundo.



Escrito por Gustavo de Castro às 09h32
[] [envie esta mensagem
]





O EVANGELHO DA DESORDEM

parte IX

 

AMAI-VOS UNS AOS OUTROS

 

Para rir

basta amar.

Para gozar

basta rir.

 

E na hora do gozo

nada de humildade:

grite berre chore

gema gargalhe morda.

 

Quebre a tristeza

com o escândalo

que é o amor.

 

 

 

POESIA E MATEMÁTICA

 

P. q. será que todo número elevado a zero é sempre igual a um?

 

Para alcançar a unidade é preciso elevar-se a nada.

 

 

 

O DEUS DOS BRINQUEDOS

 

Se a vida é o serviço militar de Deus,

viver é uma guerra fria.

 

 

 

O CALOR DE HERÁCLITO

 

A única coisa que não fenece é a infervescência.

 

 

 

A CEIA DE SÃO PAULO

 

Dentro do arroz há batatas

com caramelos de mostarda.

 

Dentro do feijão lágrimas

descascadas com cebolas.



Escrito por Gustavo de Castro às 09h07
[] [envie esta mensagem
]





O EVANGELHO DA DESORDEM

parte VIII


VELHAS MÃES MENININHAS

Ser mãe de uma concha de ventos.
Aconchegar cestas básicas e lava-sofás.
E com sete anéis marfins de ouro
falar aos teus:

- "Toda a prata da Europa é minha!"

Ser mãe de um time canhoto de várzea.
Parir três vãos de tristezas ao molho.
E com sete cenas marfins de prata
falar aos teus:

- "Todo o ouro do teu coração é meu!"


Escrito por Gustavo de Castro às 13h22
[] [envie esta mensagem
]





O EVANGELHO DA DESORDEM

parte VII

JUDAS

Dos rostos que beijei
a todos traí.

(Por sorte não alcanço o meu próprio).


POVO ESCOLHIDO

Se o povo escolhido é tratado assim, imagine meu povo, os que não são.


ALGUM POETA JÁ DISSE

Em algumas religiões, deus escondeu-se em uma lâmpada vermelha.


AMOR FATI 

Amo selvagemente meus semelhantes!!!


MÉDICO DE HOMENS E DE ALMAS

É difícil hoje em dia que uma pessoa sensível não tenha problemas no fígado.


O CANTO DO GALO ATUALIZADO

...E Cristo negou Pedro três vezes.


TENTAÇÕES NO DESERTO (de Joseph Brodsky)

"Habitua-te, filho, ao deserto!"


JARDIM DAS OLIVEIRAS

Quantas lágrimas de sangue terei ainda de chorar para ajardinar-me canteiros

rubros?


CÂNTICO DOS ENCANTOS

Beijei treze seios amargos
e em todos me fiz mel.



Escrito por Gustavo de Castro às 09h54
[] [envie esta mensagem
]





O EVANGELHO DA DESORDEM

parte VI

O MUNDO

 

Tem mais gente ruim do que boa.
No mundo tem mais gente à toa.

Tem mais gente chata do que legal.
No mundo tem mais gente banal.

Tem mais gente burra do que sabida.
No mundo tem mais gente fodida.

 

 

MADALENA

 

Você já deu para deus?

 



Escrito por Gustavo de Castro às 18h32
[] [envie esta mensagem
]





O EVANGELHO DA DESORDEM

parte V

SALMO PARA DRUMMOND

 

No salmo para Drummond

irmão João amava beata Maria

que amava frei Beto que amava

a Deus sobre todas as coisas.

E Deus, de tanto amar,

amava até mesmo o Diabo

e sua gente. O Diabo é que não

amava ninguém. Sabia bem ele

o quanto doía amar alguém.

 

 

O URUBU

(para Augusto dos Anjos)

 

Urubuservar alheia carniça.

Sobrevoar o podre

fazer rasantes

descer aéreo e faminto

por sobre o olho e o pinto.

 

Bater asas, morder a veia

comer, bicar, sorver,

                                urububeijar

a carne, depois voltar a voar,

ruminar, jogar do alto

o doce caldo do

vomitar.

 

 

O ESCARRO

(também para Augusto dos Anjos)

 

Num dia turvo me sorri a caixa do supermercado

Num dia amargo me sorri a caixa da loteria

Num dia curto me sorri a caixa da pizzaria

Num dia feio me sorri a caixa do passeio

 

E num dia “sei-não” me sorri a faixa na contramão.

 

Quando tudo me sorri acabo por pensar

que na boca alheia pode até haver saber.

 

Nem que seja sua escarração.



Escrito por Gustavo de Castro às 10h00
[] [envie esta mensagem
]



 
  [ Ver arquivos anteriores ]