Arquivos
 08/03/2009 a 14/03/2009
 01/03/2009 a 07/03/2009
 15/02/2009 a 21/02/2009
 01/02/2009 a 07/02/2009
 18/01/2009 a 24/01/2009
 04/01/2009 a 10/01/2009
 28/12/2008 a 03/01/2009
 21/12/2008 a 27/12/2008
 14/12/2008 a 20/12/2008
 07/12/2008 a 13/12/2008
 30/11/2008 a 06/12/2008
 23/11/2008 a 29/11/2008
 16/11/2008 a 22/11/2008
 09/11/2008 a 15/11/2008
 02/11/2008 a 08/11/2008
 26/10/2008 a 01/11/2008
 12/10/2008 a 18/10/2008
 05/10/2008 a 11/10/2008
 28/09/2008 a 04/10/2008
 21/09/2008 a 27/09/2008
 14/09/2008 a 20/09/2008
 07/09/2008 a 13/09/2008
 31/08/2008 a 06/09/2008
 24/08/2008 a 30/08/2008
 17/08/2008 a 23/08/2008
 03/08/2008 a 09/08/2008
 27/07/2008 a 02/08/2008
 20/07/2008 a 26/07/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 06/07/2008 a 12/07/2008
 29/06/2008 a 05/07/2008
 22/06/2008 a 28/06/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 08/06/2008 a 14/06/2008
 01/06/2008 a 07/06/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 18/05/2008 a 24/05/2008
 11/05/2008 a 17/05/2008
 04/05/2008 a 10/05/2008
 27/04/2008 a 03/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 06/04/2008 a 12/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 16/03/2008 a 22/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 02/03/2008 a 08/03/2008
 24/02/2008 a 01/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 10/02/2008 a 16/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 27/01/2008 a 02/02/2008
 20/01/2008 a 26/01/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 16/12/2007 a 22/12/2007
 09/12/2007 a 15/12/2007
 02/12/2007 a 08/12/2007
 25/11/2007 a 01/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 07/10/2007 a 13/10/2007
 30/09/2007 a 06/10/2007
 23/09/2007 a 29/09/2007
 16/09/2007 a 22/09/2007
 09/09/2007 a 15/09/2007
 02/09/2007 a 08/09/2007
 26/08/2007 a 01/09/2007
 19/08/2007 a 25/08/2007
 12/08/2007 a 18/08/2007
 05/08/2007 a 11/08/2007
 29/07/2007 a 04/08/2007
 22/07/2007 a 28/07/2007
 15/07/2007 a 21/07/2007
 08/07/2007 a 14/07/2007
 01/07/2007 a 07/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 17/06/2007 a 23/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 27/05/2007 a 02/06/2007
 20/05/2007 a 26/05/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 06/05/2007 a 12/05/2007
 29/04/2007 a 05/05/2007
 22/04/2007 a 28/04/2007
 15/04/2007 a 21/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 18/03/2007 a 24/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 07/01/2007 a 13/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 24/12/2006 a 30/12/2006
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 03/12/2006 a 09/12/2006

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 Editora Casa das Musas
 Blog do Samarone Lima
 Blog da Gabriela Leite
 Blog do Tião
 Babelia
 Blog da Liana Aragão
 Blog da Danyella Proença
 Blog do Lauro
 Blog da Maria Moura
 Blog Lauravive
 UOL - O melhor conteúdo
 popfabi




RAZÃO-POESIA o pensamento poema www.casadasmusas.org.br
 


O CORAÇÃO É UMA EMENDA

O coração é a longa emenda

de um texto que ninguém conhece,

cujo sentido a semântica ignora

e cujo os signos ninguém codificou.

 

Mas se o coração não emendasse esse texto

como um cego corrigindo o abismo,

a vida cairia em pedaços

como um sonho que sobra, despejável.

 

Até caberia suspeitar

que a emenda é esse texto.

 

Juarroz, R. Decimocuarta Poesia Vertical. Poema 97, Buenos Aires: Emecé, 1997.

 

A MEMÓRIA TAMBÉM É UMA EMENDA

Sim, o coração é uma emenda, mas a memória também.

Andando no ônibus, ouvi alguém contar uma história que o meu pai também falava. Era a história da baleia que engolia o pescador. Só que meu pai contava essa história com as sofisticações da mentira. Do tipo: "Eu estava lá" ou "Sim, eu conheci o pescador que foi engolido pela baleia. Quando capturaram o enorme mamífero, escontraram o pescador lá dentro a jogar Tarô".

Meu pai contava histórias misturando mentiras e invenções que, sinceramente, não sei de onde tirava.

O engraçado é que ele só fazia isto socialmente. Nunca mentiu profissionalmente para nós dentro de casa. Dentro de casa, era sisudo e fechado. Quase não dava palavra. Mas na rua, não. Era o mentiroso do bairro, o mentiroso público e aclamado pelos amigos do dominó. Acho que meu pai até se orgulhava um pouco de contar mentiras melhor do que os outros. Era realmente difícil concorrer com ele. Quando ele chegava nos lugares, perguntavam logo a "nova mentira". e meu pai, sacava não sei de onde a sua nova invenção: os maiores absurdos e rumores, tudo era motivo de narração para ele.

Hoje sei que me tornei escritor também por conta dele. Devido a essas mentiras. Elas foram as fábulas da minha infância.  

Disse que meu pai nunca mentia para nós, dentro de casa, mas isso é mentira. Ele mentia sim, mas pouco, muito pouco. Costuma contar sempre a mesma, mas, para mim, muito marcante: dizia que já tinha visto todos os filmes feitos pelo cinema mundial. E que sabia contar melhor todas as histórias do cinema americano. Na verdade, Hollywwod tinha descoberto ele na sua cidade natal, Pureza, no agreste do RN, e levado para os "esteites", a fim de que pudessem gravar todas as suas lorotas. Dizia que todos aqueles filmes - filmes que eu e meus irmãos víamos na TV, nas sessões da tarde e da noite - eram versões adaptadas/pioradas de suas histórias reais e iluminadas.

Como nas praças, com os amigos do dominó, nós lá em casa ficávamos todos as rir de tanta inutilidade.

para João, meu pai, morto em 2006, que compreendeu a importância de dizer besteiras na vida. 

 



Escrito por Gustavo de Castro às 14h25
[] [envie esta mensagem
]





ESPUMAS DE SER E CISCOS DE TEMPO

Normalmente, o que é essencial é frágil? Ou será o essencial somente o que é forte? Mas que sabemos nós do essencial?

Aquele que canta ao abismo vive de espumas, sopros e ciscos: já nada o apraz que não venha como sinônimo de vida verdadeira. Se "o essencial é invisível aos olhos", ele não é - em tempo algum - ao coração.



Escrito por Gustavo de Castro às 15h11
[] [envie esta mensagem
]



 
  [ Ver arquivos anteriores ]